Idioma: PT EN ES
Facebook Linkedin Youtube Instagram

Ligação Gratuita

0800 005 4141

Ramo odontológico se rende ao mundo dos Apps


 

A tecnologia já invadiu o mundo dos empreendimentos da saúde. Para onde olhamos, existem pessoas com os olhos fixos em seus celulares, navegando nas redes sociais, fazendo compras, e se comunicando através dos aplicativos. Os Apps também auxiliam profissionais e empreendedores da área odontológica no desenvolvimento de sua empresa, com praticidade e envolvimento junto ao consumidor, tudo a um toque no celular.

Segundo pesquisa divulgada pelo Wall Street Journal, as vendas feitas por aplicativos renderam 49,2 bilhões de dólares nos Estados Unidos, apenas em 2015. Espera-se que, até 2020, tablets e smartphones sejam responsáveis por 40% das vendas no comércio eletrônico. Com o crescente uso dos Apps, empreendedores que utilizam a plataforma para divulgar seus produtos estão colocando suas empresas em postos cada vez mais altos.

Interatividade com o cliente

A praticidade em ter um aplicativo que aproxime a empresa com o cliente incentivou a Odonto Excellence, maior franqueadora de empreendimentos odontológicos do Brasil, a criar sua plataforma para celulares. A tecnologia vem trazendo facilidade, agilidade e conexão vertiginosa com a massa consumidora e, por causa disso, os ciclos de atuação precisam ser reinventados com ações e esforços simultâneos”, explica Oseias Gomes de Moraes, proprietário da empresa.

Disponível para Android, o aplicativo Odonto Excellence traz opções que avisam o horário das consultas e datas de vencimento de parcelas. O cliente pode saber detalhes dos procedimentos dentários e, se indicar novos pacientes através da plataforma, ainda recebe desconto nas mensalidades.

Gomes ressalta que é impossível deixar em segundo plano o auxilio tecnológico dos Apps, pois eles auxiliam a empresa na inserção do produto no mercado: “A mente do empresário versátil precisará olhar também para o intangível e impalpável, caso contrário não haverá “finger” do seu produto com o mercado”.